A EERP
em números

Guia para Intercambistas »
Dicas

  • Informações gerais
      Comissão de Relações Internacionais
    • Presidenta
      Profa. Dra. Edilaine Cristina da Silva Gherardi Donato
    • Apoio
      Juliana Gazzotti
    • Telefone
      55 16 3315-3393
    • E-mail
      crint@eerp.usp.br
Estar sempre atento ao mural da CRInt na EERP (ao lado do bebedouro no corredor das salas coloridas, ao lado do mural da Sigma),  e aos e-mails enviados pelo COMUNICA

Planejar financeiramente, buscar todas as fontes possíveis de dados sobre o custo de vida no país. O custo total do programa (incluindo passagem aérea) varia de US$ 6,000 a US$ 13,000 mil dólares. Mas não se assuste com esses valores! Tudo depende do estilo de vida de cada um, bem como de cada país e da respectiva cidade. Além disso, a recompensa será incalculável: conhecimento científico, bagagem cultural, crescimento pessoal, aprimoramento e maior fluência do idioma, valorização do currículo, entre outros.

Procure os funcionários da Cooperação Internacional na sala 39, da EERP, para obter informações das instituições conveniadas. Além das informações, você pode ter acesso aos relatórios dos estudantes que já realizaram o intercâmbio.

Entre em contato com estudantes que já realizaram o intercâmbio, pois eles poderão lhe dar orientações valiosas. Não deixe de contatar também os estudantes estrangeiros que estão na EERP. Quanto mais informações você obtiver, maior segurança você terá para tomar sua decisão.

Não deixe para fazer o teste de proficiência em língua estrangeira em cima da hora. Você precisará do resultado para fazer sua inscrição. O ideal é fazê-lo dois meses antes da semana de inscrições.

É possível estender seu intercâmbio por mais um semestre, na mesma Instituição, ou em outra Instituição no mesmo país ou ainda em outro país, desde que existam vagas remanescentes.

Tenha a mente aberta para outros países, não restrinja suas opções a países como Estados Unidos e Inglaterra. Há outras opções interessantes na Europa para quem quer aperfeiçoar seu inglês, como Finlândia, Holanda, Suécia, Dinamarca, Hungria.

A Espanha não é a única opção para quem quer aperfeiçoar o espanhol. Há várias oportunidades na América Latina, como Argentina, Peru, Colômbia, Chile e México.

Portugal tem uma história riquíssima e uma tradição acadêmica respeitada internacionalmente. Não descarte essa opção.
Voltar ao topo

Desenvolvido por